Home Press Release Fed Emite Documento Sobre Benefícios e Riscos De Um Dólar Digital

Fed Emite Documento Sobre Benefícios e Riscos De Um Dólar Digital

by cryptocreed

Last Updated on January 28, 2022 by cryptocreed

O Federal Reserve dos EUA abriu espaço para comentários do público após divulgar um relatório da discussão sobre os prós e contras de uma possível moeda digital emitida pelo banco central norte-americano.

Em uma publicação divulgada recentemente e intitulada “Money and Payments: The US Dollar in the Age of Digital Transformation” (Dinheiro e Pagamentos: O Dólar Norte-Americano na Era da Transformação Digital), o Fed disse que provavelmente não estaria autorizado a emitir carteiras digitais ou contas capazes de manter uma Moeda Digital do Banco Central, ou CBDC, nos EUA. Por outro lado, poderia deixar esses assuntos para o setor privado.

Principais tópicos do Fed sobre um dólar digital

Em seu relatório, o órgão do governo disse que estaria considerando questões de privacidade, bem como se uma CBDC poderia ser “facilmente transferível entre clientes ligados a diferentes intermediários”, além das formas de verificação de identidade necessárias para combater a lavagem de dinheiro e o financiamento do terrorismo.

Em seu relatório, o Fed acrescentou que, ao lançar um CBDC, os EUA poderiam mitigar os riscos de “proliferação de moedas digitais privadas” e ainda incentivar a inovação no setor privado. Isso seria possível graças ao nivelamento das condições de competição entre empresas grandes e pequenas. Afinal, alguns dos custos de emissão de uma moeda digital própria podem ser proibitivos.

Os pagamentos internacionais, a velocidade e a eficiência dos pagamentos digitais, além da inclusão financeira adicional, estão entre os benefícios em potencial de um dólar digital, conforme o relatório.

“Uma CBDC poderia alterar profundamente a estrutura do sistema financeiro dos EUA, alterando os papéis e as responsabilidades do setor privado e do Banco Central”, diz o documento do Fed. “Algumas fontes sugerem que, se essas novas CBDCs forem mais atraentes do que as formas já existentes do dólar americano, o uso global do dólar pode diminuir – e uma CBDC americana poderia ajudar a preservar o papel internacional que o dólar tem atualmente”.

Riscos de um dólar digital

Em relação aos riscos da introdução de um dólar digital na economia dos EUA e do mundo, o Fed disse que uma CBDC poderia substituir, efetivamente, o dinheiro disponível nos bancos comerciais. Isso poderia levar, em última instância, a um aumento dos preços para clientes do varejo, o que afastaria o interesse de investimentos em “fundos mútuos, letras do Tesouro e outros títulos e instrumentos de curto prazo”.

O relatório também repercutiu algumas das preocupações já levantadas anteriormente por autoridades a respeito da estabilidade do sistema financeiro atual. Por exemplo, o Fed pode ter que aumentar suas reservas com base na demanda por uma moeda digital. Além disso, pode haver a necessidade de encontrar formas de manter um equilíbrio entre a privacidade do usuário e a transparência necessária para evitar fraudes.

Próximos desdobramentos da discussão do Fed

O Fed manteve aberto um canal para comentários do público por 120 dias – até 20 de maio de 2022. Ele está solicitando, aos cidadãos norte-americanos interessados na questão, que comentem sobre 22 tópicos relacionados aos possíveis benefícios, riscos, formatos e outras considerações relativas a políticas para o dólar digital:

“O Federal Reserve só dará novos passos para desenvolver uma CBDC se a pesquisa apontar benefícios para famílias, empresas e a economia em geral que excedam os riscos em potencial e indiquem que a CBDC é superior em relação a métodos alternativos. Além disso, o Federal Reserve só buscaria uma CBDC em um contexto de amplo apoio público e intergovernamental”.

Prometida pela primeira vez pelo presidente do Fed, Jerome Powell, em maio de 2021, para ser lançada no verão passado, a publicação do documento de discussão da CBDC foi adiada diversas vezes. No dia 11 de janeiro, durante sua fala aos membros do Senate Banking Committee (Comitê Bancário do Senado), Powell disse que o relatório seria divulgado em poucas semanas, após atrasos ocorridos devido a “mudanças na política monetária” dos EUA.

Embora em um comunicado do Fed tenha sido declarado que o documento de discussão “não favorece nenhum resultado de política”, Powell sugeriu anteriormente que não há pressa nos EUA em liberar um dólar digital, apesar de outros países, incluindo a China, avançarem com testes em diferentes cidades. Espera-se que os atletas norte-americanos viajem para a China para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2022, dentro de algumas semanas. Na ocasião, competidores e visitantes terão a oportunidade de usar o yuan digital do país, nas cidades onde ele já está disponível.

0 comment

You may also like

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.